English Spain Brazil
Itaú Ag 6626 CC 66200-8| B do Brasil Ag 1229-7 CC 214384-4| Bradesco Ag 2286-1 CC 12100-2|

Terapia Ocupacional

Terapia Ocupacional na Casa AURA

A Terapia Ocupacional vem alcançando ao longo dos anos diversas áreas de atuação na área da saúde, dentre elas a Oncologia.
Crianças e adolescentes com câncer apresentam uma série de particularidades, tornando imprescindível o trabalho de uma equipe integrada e transdisciplinar.

A atuação do Terapeuta Ocupacional pode ser desempenhada desde a promoção e prevenção da saúde, até os cuidados paliativos.

Através de uma avaliação funcional e ocupacional detalhada, cabe ao Terapeuta Ocupacional promover ações que visem desenvolver ao paciente independência, autonomia no seu cotidiano, autoestima, inclusão social e melhoria da qualidade de vida.

O Terapeuta Ocupacional utiliza as atividades da vida diária (tomar banho, escovar os dentes, trocar de roupa, etc) e as atividades instrumentais da vida diária (brincar, lazer, etc) como seu recurso terapêutico.

Na pediatria, o ato de brincar é o principal recurso terapêutico na atuação desse profissional. A sua ação principal é proporcionar à criança a possibilidade de resgatar a sua função, atuando como agenciador da criatividade, das manifestações de alegria, do brincar/lazer, que incentivam a participação e vitalidade.

A brinquedoteca da Casa de Apoio AURA é estruturada adequadamente com brinquedos, atividades lúdicas e recreativas, visando proporcionar o prazer do brincar com alegria e segurança. É nesse espaço que as crianças são observadas e avaliadas enquanto brincam ou desempenham alguma tarefa e encaminhadas, caso necessário, às intervenções individuais na sala de reabilitação.
Utiliza-se na reabilitação individual a Terapia de Integração Sensorial (Jean Ayres) e o Conceito Neuroevolutivo Bobath, visando enfatizar a consciência e a recepção sensorial, com o objetivo de proporcionar respostas motoras e ampliar a independência em todos os aspectos da vida diária.

Esse profissional também é responsável em desenvolver e criar adaptações em utensílios e mobiliários, realizar mudanças no ambiente doméstico, prescrever e confeccionar órteses e orientar familiares envolvidos no tratamento das crianças e adolescentes.

Letícia França Cançado Carlos
Terapeuta Ocupacional